Queijo Coalho, uma saborosa tentação.

09/03/2018 0 Por afs
Queijo Coalho, uma saborosa tentação.

História, características, benefícios e cuidados, no consumo dessa iguaria.

O famoso e irresistível queijo coalho, tradicionalmente fabricado e consumido na região Nordeste do Brasil, principalmente no Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco, está presente em todo litoral brasileiro. Esse saboroso alimento, derivado do leite, atende aos paladares mais exigentes, sendo servido no tradicional espetinho, em pequenos pedaços com cebola ou salada e acompanhando o baião de dois. Além de suas características sensoriais tais como consistência, aroma e sabor, podemos encontrar no queijo coalho propriedades essenciais ao organismo como proteínas, carboidratos, vitaminas (lipossolúveis e B12), gorduras e minerais (cálcio, fósforo e magnésio). No entanto, é importante destacar, os cuidados com o consumo exagerado dessa saborosa tentação que concentra um alto índice de gordura. O formato no palito com cerca de 60g, equivale a 37% das necessidades diárias recomendadas de gordura saturada a serem ingeridas. Em termos calóricos fornece 168% de calorias, cerca de 14% a mais do que o queijo coalho versão light.

Um outro aspecto importante é quanto a sua produção, acondicionamento e manuseio. O queijo coalho por ser praticamente artesanal e com uma ótima aceitação no comércio, fez com que sua fabricação se tornasse amplamente difundida, e, às vezes, sem os devidos cuidados com os critérios de produção como a higiene, técnicas de processamento e uma matéria-prima de qualidade, o que nos faz estar atento a procedência do produto.

Uma origem pra lá de curiosa

Uma interessante e curiosa história deu origem a essa deliciosa iguaria, que tem como protagonista a figura dos sertanejos nordestinos. Esses animosos desbravadores começaram a ocupar as áreas do interior do Brasil como alternativa para criação do gado, já que as áreas do litoral eram priorizadas para o cultivo da cana de açúcar.
Em suas viagens, os sertanejos mantinham o leite em um matulão – uma espécie de bolsa feita de estômago de animal para carregar provisões.
O longo tempo do líquido no matulão somada a presença de enzimas digestivas em seu interior, estimulava o processo de coagulação do leite. A sua mudança de consistência e sabor é que deu origem ao queridinho queijo coalho.
Hoje, o processo de coagulação desse importante alimento é realizado industrialmente.

Características principais

O queijo coalho é levemente salgado, massa branca de média a alta umidade, uma casca fina que se funde com a sua massa, um pequeno grau de acidez e resistente ao calor, podendo ser assado ou tostado.

Benefícios à saúde

Para os que dão a devida atenção dos benefícios à saúde, é importante saber que o queijo coalho facilita a absorção de zinco pelo organismo, regula a flora intestinal, ajuda a evitar ataques cardíacos, trombose e derrame; evita a arteriosclerose; possui propriedade antioxidante e previne o câncer. Este, segundo estudos da Universidade Federal de Pernambuco.